Visite o site da P&S Visite o site do Radar Industrial Visite o site da Banas Ir para página inicial RSS

0

basfA BASF apresenta o Acronal 2434, um novo aglutinante acrílico aquoso para não-tecidos que atende às altas exigências em termos de estabilidade termo-dimensional. O ligante é adequado principalmente para não-tecidos que são utilizados em aplicações de construção e abrasivos. O aglutinante inovador complementa o abrangente portfólio de produtos da divisão de dispersões e resinas da BASF, que foi apresentado na feira Index, em Genebra, no início de abril.

Não-tecidos dimensionalmente estáveis

Com o Acronal 2434, a BASF oferece uma dispersão acrílica de auto-reticulação covalente que confere aos não-tecidos que são expostos às tensões térmicas, altos níveis de estabilidade mecânica. O aglutinante é adequado principalmente para não-tecidos feitos a partir de fibras sintéticas, tais como poliéster. O produto recentemente desenvolvido é compatível com outros sistemas de reticulação, tais como, resinas de melamina e ureia. Além disso, ele pode ser facilmente aplicado em conjunto com sistemas convencionais de foulard.

“O Acronal 2434 é outro aglutinante de alta performance que oferecemos aos nossos clientes na indústria de não-tecidos”, afirma Jürgen Pfister, vice-presidente de Dispersões para Adesivos e Fiber Bonding da BASF Europa. “Nossa nova dispersão acrílica apresenta efeitos extraordinários especialmente quando se trata de não-tecidos que são expostos a altos níveis de tensão térmica e mecânica. Com este aglutinante inovador e sustentável, encontramos uma solução voltada para as necessidades de nossos clientes. Desta forma, conseguimos ajudá-los a ter sucesso”, considera.

 

TAGS: , ,

Deixe seu comentário

1

Duas organizações norte-americanas incluíram o metal e suas ligas na lista de tecnologia para controle de infecções

Duas organizações norte-americanas incluíram o cobre antimicrobiano em suas listas das Dez Maiores Tecnologias de 2014 por seu papel na prevenção e controle de infecções. As novas tecnologias são identificadas por meio de monitoramento de horizonte tecnológico.

O Instituto ECRI – líder mundial em pesquisas sobre melhores abordagens para o cuidado de pacientes – incluiu o cobre antimicrobiano em sua ‘Lista das Dez Maiores Questões em Tecnologia Hospitalar para Líderes’, tendo como alvo os tomadores de decisão de alto nível no âmbito dos sistemas de saúde, fornecendo-lhes resumos de tecnologias emergentes que podem ajudar a melhorar os esforços de planejamento de capital ao longo do ano.

Da mesma forma, a Rede Canadense para Monitoramento Ambiental em Saúde (CNESH-sigla em inglês) – líder em monitoramento de horizonte tecnológico em saúde – destaca o cobre em sua ‘Lista das 10 Maiores Tecnologias Novas e Emergentes de 2014’.

Experimentos clínicos mostram que a substituição de superfícies de contato frequente no ambiente hospitalar por cobre antimicrobiano – isto é, cobre ou ligas de cobre que possuem propriedades antimicrobianas inerentes ao metal – ajuda a reduzir a contaminação microbiana e pode reduzir a incidência de infecções hospitalares.

O relatório do ECRI ressalta: “Superfícies de contato de cobre antimicrobiano podem ser incorporadas a uma grande variedade de componentes… As propriedades do cobre antimicrobiano permanecem ativas por todo o tempo de vida do produto e não depende de revestimentos ou superfícies impregnadas que podem se desgastar ou ser removidos com a lavagem”.

Mais de 5 mil organizações de saúde em todo o mundo confiam na experiência do Instituto ECRI para a melhoria da segurança dos pacientes, e a Organização Mundial da Saúde concedeu ao Instituto ECRI o título de Centro Colaborador para Avaliação de Tecnologias em reconhecimento à sua contribuição e competência.

A lista dos Dez Mais da CNESH afirma: ‘Superfícies de contato feitas de cobre antimicrobiano e ligas de cobre (latão e bronze) parecem ser uma alternativa promissora que pode aprimorar a prevenção e o controle de infecções e, portanto, proporcionar ambientes hospitalares mais seguros aos pacientes.

“Quando incorporada a áreas de superfície como barras de cama, corrimões, maçanetas, superfícies de trabalho, suportes para soro e instalações de banheiro, as propriedades antimicrobianas naturais do cobre reduziriam a contaminação bacteriana, a transmissão e os índices de infecções”.

Coincidindo com o reconhecimento da contribuição do cobre antimicrobiano para a prevenção de infecções, o ‘epic3: Diretrizes Nacionais Baseadas em Evidências para a Prevenção de Infecções Hospitalares em Hospitais do Sistema Nacional de Saúde na Inglaterra’, do Reino Unido, também incluiu o cobre, seguindo recente resenha de pesquisa publicada, encomendada pelo Departamento de Saúde. Estudos relatando reduções significativas de 80% a 90% da carga microbiana em superfícies de contato frequente feitas de ligas de cobre são descritas em ‘Tecnologias Emergentes’.

A cadeia produtiva está contribuindo para a crescente demanda por produtos de cobre microbiano com uma gama cada vez maior de produtos duráveis, de baixo custo e eficazes.

Brasil

No Brasil, o uso do cobre como agente antimicrobiano já pode ser visto no estacionamento do aeroporto de Congonhas e também em consultório odontológico de São Paulo. As ações no País são desenvolvidas por meio do Instituto Brasileito do Cobre – Procobre – ligado à International Copper Association (ICA). “Estamos desenvolvendo projetos não só na área hospitalar para o Brasil. O objetivo é mostrar que o cobre e suas ligas, como o latão por exemplo, associam design ao benefício de controlar infecções e a disseminação de doenças que podem ser transmitidas pelas mãos”, explica Antonio Maschietto, diretor executivo do Procobre. Segundo o executivo, novos projetos deverão ser anunciados no Brasil neste ano.

Foto:O uso do cobre em espaços brasileiros como o estacionamento do Aeroporto de Congonhas e consultório odontológico

TAGS: , ,

Deixe seu comentário

0

A Indústria&Tecnologia – Revista P&S está no Facebook com informações diárias sobre os melhores produtos e novidades da indústria nacional e internacional. Curta a página (Indústria & Tecnologia – Revista P&S ) e fique por dentro das novidades deste mercado.

TAGS: , , , ,

Deixe seu comentário

0

Nova marca faz sua estréia com novidades em produtos na maior feira do setor da construção civil na América Latina

A Weber Saint-Gobain, que garante a qualidade dos produtos quartzolit no Brasil, apresenta destaques no estande da Feicon, que acontece entre os dias 15 e 19 de março no Anhembi, em São Paulo.

Entre as novidades, está a nova linha weber.color, com a exclusiva tecnologia Weber de produtos sem poeira, além de cores tendências desenvolvidas a partir de pesquisa encomendada ao Comitê de Estudo de Cores da América Latina, o novo produto Epóxi, mais fácil de aplicar e exclusivo para pisos, além de um exclusivo produto para sobreposição: o Piso Sobre Piso Rolado quartzolit, que revoluciona o segmento de reformas com exclusivo método de aplicação com rolo. Na ocasião, a empresa lança ainda o Guia Weber 2011, referência entre os profissionais do mercado com dicas e aplicação passo a passo dos produtos.

A Weber Saint-Gobain faz sua pré-apresentação na Feicon 2011 do Contrapiso Autonivelante quartzolit, uma argamassa fluída, de fácil aplicação, desenvolvida especialmente para proporcionar produtividade na obra, com maior qualidade no acabamento.

O ano de 2011 começa com investimentos na construção de duas novas fábricas: uma no Paraná, na cidade de Ibiporã (região de Maringá), e outra no município de Pacatuba (grande Fortaleza), no Ceará.

TAGS: , , ,

Deixe seu comentário

0

Empresa alinha tendências de um dos segmentos de mercado mais lucrativos no país

Com produção estimada em 50 mil peças ao mês, a Incoterm planeja cobrir boa parte do mercado de decoração de interiores, iniciativa inédita para o setor em que atua. A meta é impulsionar as vendas de 3% para 8% até o final do primeiro trimestre de 2011. A Incoterm, atuate na América Latina na fabricação e comercialização de instrumentos medidores, anuncia a reformulação de divisão de negócios visando entrar fortemente no mercado de decoração de interiores e ambientes.

Para a Unidade Ambiente, como é chamada, foram reposicionados tradicionais itens da indústria, alinhados às novas tendências em matéria de design e funcionalidade, visando explorar de forma inédita novos segmentos como o destinado a pet shops e mercado de decoração infantil. Conforme a coordenadora de marketing da Incoterm, Ana Paula Marquioretto, as peças passam a compor mix de mais de 150 itens, que vão do rústico termômetro de madeira a modelos de estações metereológicas high tech, com display digital, rede wireless, etc.
“O Brasil vive um de seus melhores momentos nesse segmento e queremos aproveitar o otimismo do setor e a reorganização das classes sociais para nos aproximar do consumidor final, com peças totalmente repaginadas”, afirma a executiva.
Conforme dados da Associação Brasileira de Arquitetos de Interiores e Decoradores estima-se que o varejo de decoração, voltado para as classes A e B faça circular entre 8 e 10 bilhões de reais anuais no país.

TAGS: , ,

Deixe seu comentário

Abimaq tem nova câmara

Icone Divulgue esta notícia!,Economia | Por em 16 de dezembro de 2009

0

A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, Abimaq, divulgou esta semana que conta, desde o início de outubro,com mais uma câmara setorial: dos Fabricantes de Motores. O presidente é Maurício Niel, da área de assuntos governamentais da Scania Latin America, com Jerson Dotti, da Caterpillar, e Osnir Ferreira, da MTU Motores, como vice-presidentes.

Com extensa pauta de trabalhos, a nova câmara tem entre seus objetivos primordiais a solidificação das estatísticas e esforço para apresentação dos dados conjunturais do setor. Outra ação importante será trazer para dentro da entidade as empresas do setor que não têm participado dos encontros mensais e, com isso, realizar, também, o trabalho de acompanhamento de emissões de poluentes para motores aplicados a grupo geradores, assim como criação de normas técnicas.

Na pauta de trabalho, o presidente inclui ainda discussões sobre participação nos programas do pré-sal e PAC, com o fornecimento de motores e grupos geradores e demais equipamentos nacionais para esses projetos; monitoramento quanto a alteração da legislação de usados e as importações de mercados emergentes (relatório trimestral para monitorar o que está entrando no Brasil), bem como a continuidade ou não do mecanismo de ‘ex’ tarifários.

Assuntos técnicos de interesse para motores e projetos especiais para o setor também discutidos. Niel afirma que também pretende incrementar as ações das associadas no mercado externo, com interferência nas negociações internacionais (Mercosul x União Européia, por exemplo).

Em 2008, o setor em 2008 produziu aproximadamente 270.000 motores, impulsionado principalmente pelo segmento agrícola.

TAGS:

Deixe seu comentário

Vídeos no Radar Industrial

Icone Revista P&S,Vídeo | Por em 19 de agosto de 2009

0

O Radar Industrial, uma das bases deste blog – assim como a Revista P&S, conta há cerca de três meses com vídeos de máquinas e equipamentos em funcionamento, além de filmagens institucionais. Com isso, o portal está mais dinâmico e oferece informação mais acessível e direta.

Por que estou escrevendo sobre isso aqui? Simplesmente porque trouxemos mais essa ferramenta para o Blog Industrial. Como você pode ver ao lado direito, agora é possível assistir aos últimos vídeos do canal do Radar Industrial no You Tube. Até este  post, são mais de 200 vídeos cadastrados!

Certamente não deixaria de “vender nosso peixe”. Convido você a assistir a uma apresentação do Radar Industrial no vídeo abaixo.

Gostou? Veja três exemplos de empresas que estão lucrando com o mundo virtual.

TAGS: , , , , ,

Deixe seu comentário

BUSCA

CATEGORIAS

SOBRE O BLOG INDUSTRIAL

O Blog Industrial acompanha a movimentação do setor de bens de capital no Brasil e no exterior, trazendo tendências, novidades, opiniões e análises sobre a influência econômica e política no segmento. Este espaço é um subproduto da revista e do site P&S, e do portal Radar Industrial, todos editados pela redação da Editora Banas.

TATIANA GOMES

Tatiana Gomes, jornalista formada, atualmente presta assessoria de imprensa para a Editora Banas. Foi repórter e redatora do Jornal A Tribuna Paulista e editora web dos portais das Universidades Anhembi Morumbi e Instituto Santanense.

NARA FARIA

Jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas), cursando MBA em Informações Econômico-financeiras de Capitais para Jornalistas (BM&F Bovespa – FIA). Com sete anos de experiência, atualmente é editora-chefe da Revista P&S. Já atuou como repórter nos jornais Todo Dia, Tribuna Liberal e Página Popular e como editora em veículo especializado nas áreas de energia, eletricidade e iluminação.

ARQUIVO

seminário Rodada 10 Perspectivas faturamento máquinas negócios infraestrutura exportação IBGE CNI importação PIB Revista P&S Pesquisa Evento inovação Feira Internacional da Mecânica Artigo meio ambiente Investimento sustentabilidade FIESP Lançamento tecnologia mercado Economia máquinas e equipamentos Feimafe Feira indústria